Nosso espaço pet



Como fazer o seu cão parar de cavar o quintal?


Primeiramente, verifique se seu cão está fazendo isso pra chamar sua atenção. Cães que não recebem muita atenção dos seus donos, como carinho, brincadeiras e passeios, acabam fazendo coisas erradas pra ganhar a atenção da família (bronca também é atenção). Por isso, se esse for o caso do seu cachorro, proceda com as técnicas a seguir, porém não brigue com ele ao cavar o jardim, simplesmente ignore o fato e realize as técnicas. 

1. Crie cantinhos excepcionaisPor instinto, o cão dá uma cavadinha onde irá se deitar – costuma fazer isso até em sofás e pisos frios! Normalmente, após a cavadinha, dá umas rodadas e se deita. Muitos cães gostam de deitar-se em lugares frescos do jardim ou que permitam acompanhar o movimento da casa ou da rua. O problema é que, muitas vezes, há um canteiro de flores ou grama justamente nesses lugares. O truque é preparar cantinhos perfeitos para o cão, levando em consideração o que ele mais deseja. 

2. Gaste o excesso de energiaQuanto mais energia o cão tiver, maiores as chances de ele cavar grandes buracos. Uma maneira de controlar o excesso de energia é levá-lo para passear diariamente e/ou exercitá-lo bastante, com brincadeiras. 

3. Combata o tédioCães também ficam entediados! Gostam de passear, caçar, brincar, etc., e não de ficar isolados em um quintal. Crie atividades para tornar a vida do seu cão mais interessante. Nem que seja escondendo petiscos no jardim para ele encontrar. Ler artigos sobre enriquecimento ambiental e comportamental ajuda a ter idéias para entreter o cão. 

4. Evite que enterre objetosEnterrar ossos naturais e alimentos para consumir mais tarde também faz parte do instinto canino. Muitos cães enterram apenas alguns tipos de objetos. Se o seu fizer isso, não deixe de lhe dar os objetos daquele tipo. Mas, em vez de entregá-los, mantenha-os amarrados numa corda. Assim, ele não poderá levá-los para enterrar. Um jeito de evitar que o cão se enrosque na corda é pendurar o objeto de modo a não encostar no chão. Esse método é útil também para combater a possessividade canina por determinados objetos. 

5. Prepare um cantinho para grávidasCadelas prestes a parir ou com gravidez psicológica procuram cavar um ninho para os filhotes. Nesses casos, devemos preparar cantinhos perfeitos para elas. E, quando a gravidez for psicológica, pode-se, ainda, tratar a fêmea com inibidores de hormônio (consulte seu veterinário). A castração ainda é a melhor solução.

6. Torne desagradável desenterrarSe o cão cava lugares específicos, antes de tapar os buracos encha-os com os próprios cocôs dele. É praticamente certo que isso o fará desistir de cavar aquele local. Com o tempo, você irá minando todos os lugares mais cavados. 

7. Reestruture seu jardimProcure adaptar o estilo do seu jardim à presença canina. Às vezes, algumas pequenas alterações podem evitar muita dor de cabeça e proporcionar menos estresse no convívio. Pedras nos lugares em que o cão cava, assim como cercas e telas, podem, muitas vezes, ser a melhor solução. Um dos meus clientes resolveu o problema com telas postas no solo dos canteiros que o cachorro cavava. Nessa alternativa, caso se queira ocultar a tela, basta jogar um pouco de terra por cima. Ou esperar que as plantas cresçam. Há, porém, o inconveniente de ser preciso retirar a tela ou cortá-la, para plantar nova muda. Em alguns casos, sugiro construir uma caixa de areia no jardim para o cão poder se divertir, cavando. Afinal, cavar é um comportamento normal e saudável. 

8. Só dê bronca durante a ação erradaNem pense em dar bronca no cão se não for no exato momento do comportamento inadequado. Está mais que comprovado: bronca fora do momento exato, além de não funcionar, pode deixar o cão confuso, o que aumenta as chances de surgirem problemas de comportamento. A melhor ocasião para repreender o cão é quando ele começa a cavar um lugar proibido. Nesse momento, procure fazê-lo sentir desconforto. Jogue um pouco de água nele ou faça um ruído que o assuste, por exemplo. Mas só faça isso se ele não for medroso nem inseguro. Algumas pessoas conversam com o cão quando ele erra. Tentam explicar que agiu incorretamente. Não faça isso. O cão pode gostar dessa atenção e começar a cavar na expectativa de receber mais!




Veja também


Entenda a linguagem corporal do seu pet
A Linguagem do seu pet é única e nos diz muito. Conheça o que o cada expressão corporal, facial ou sonora do seu cão quer dizer.
Saiba mais
Quais as vacinas obrigatórias para o seu pet?
A vacinação e a melhor forma de proteger cães e gatos contra doenças infecciosas, causadas por vírus, bactérias e outros microrganismos
Saiba mais
Castrar? Por que?
Castrar um animal de estimaçao é um tema que continua gerando dúvidas, muitas delas por causa de falsas crenças a respeito desse assunto.
Saiba mais



Telefone:

(48) 3535 1010

WhatsApp:

(48) 99161 3718

Endereço:

Rodovia SC 108, KM 436 nº sn
Bairro Último Rio - Jacinto Machado
Santa Catarina - Brasil
CEP: 88950 000

Siga-nos:



Todos os direitos reservados Elleve Pet | Desenvolvimento Micronec Agência