Nosso espaço pet



Seu cachorro come chinelo? Saiba por que isso acontece...


Por que o cachorro come chinelo?

Não só o chinelo, mas tênis, sapatos e meias podem ser alvo desses cães. A atração pelos objetos pode ser explicada de diferentes formas, é preciso prestar bastante atenção no comportamento para descobrir qual realmente representa o animal. 

Dentição: Esse é o caso dos filhotes que estão com os dentinhos nascendo. Nesse período a gengiva deles está sensível e coça bastante, para aliviar a sensação eles irão morder tudo o que verem pela frente. Os chinelos e sapatos, além de serem alvos fáceis, possuem material que exerce bem a função de alívio. A atitude deve passar com o crescimento do cachorro, mas precisa ser barrada desde o início para que não se torne um hábito. 

Ansiedade de separação: Se o cachorro fica muito tempo sozinho em casa ele pode acabar sofrendo com a ansiedade de separação. Todas as vezes que os donos saem ele se desespera e começa a ter comportamentos diferentes. Alguns latem e choram sem parar, outros arranham a porta, há também os que destroem objetos do tutor como os chinelos (eles têm o cheiro do dono).  

Chamar atenção: Na primeira vez que o cachorro destruiu um sapato o dono deu muita atenção para ele, mesmo que brigando e perguntando o porquê daquilo. Feliz por ter sido o centro da atenção naquele momento o cão associa o chinelo com algo bom e continuará tendo a atitude para ganhar o tempo do dono.  

Tédio: Cachorros precisam brincar e gastar energia. Se isso não for proporcionado a ele, comportamentos destruidores aparecerão pelo simples fato de que o animal está entediado e não ganha atenção do dono. 

Desobediência: O dono fala com o bichinho de estimação e é completamente ignorado porque não é visto como líder por ele. Nesses casos o cachorro faz o que quer sem se importar com nada.  

Como acabar com o problema?Para cada causa existe uma forma de adestramento, alguns mais fáceis, outros mais difíceis.

Dentição: Nesses casos o problema costuma ser passageiro. A dica é comprar brinquedos próprios para essa fase da vida dos cães. Muitas opções são vendidas em petshops. Mostrar para o animal que o brinquedo é mais legal do que o chinelo ou o sapato impedirá que ele repita a ação.  

Ansiedade de Separação: Esse é um problema psicológico, portanto, é mais difícil de lidar. O primeiro passo é entender o que levou o animal a ter medo de ficar sozinho em casa. O adestramento inclui uma nova forma de relacionamento do cachorro com o dono, modificação de estímulos, maior prática de exercícios, ensino de comandos, entre outros. A melhor opção é contar com ajuda de especialistas em comportamento e até veterinários.  

Chamar atenção: A primeira coisa que precisa mudar nesses casos é a reação do dono quando o cachorro pega o chinelo ou o sapato. Evitar movimentos bruscos é importante, a fala deve ser curta e firme, sem muitas delongas. Feito isso, mude o foco para uma atividade que realmente diz respeito ao dia a dia do animal, como brincar com a bolinha, e o recompense se ele fizer tudo direitinho. É importante que a atividade não seja feita apenas quando ele aprontar, se não será mais um reforço.  

Tédio: Um cachorro se torna destruidor quando não tem oportunidade de gastar sua energia. Portanto, o erro aí é do dono que não dedica o tempo necessário ao seu animal de estimação. A partir do momento em que o animal fizer atividades e tiver brinquedos interativos que goste à sua disposição o problema não ocorrerá mais.  

Desobediência: Os cães estão acostumados a ter um líder na matilha, dentro dos lares esse líder é o próprio dono, mas alguns não enxergam dessa forma. Assim o animal se torna desobediente e parece fazer tudo ao contrário do que é falado. A saída é tentar, por meio do adestramento, modificar a relação entre o dono e o bichinho. O ensino de  comando simples como "senta", "deita" e "dá a patinha" pode ser suficiente. 

Se a reclamação de que o cachorro come chinelo continuar mesmo com as providências tomadas, procure um adestrador ou um veterinário para ajudar. 



Veja também


Entenda a linguagem corporal do seu pet
A Linguagem do seu pet é única e nos diz muito. Conheça o que o cada expressão corporal, facial ou sonora do seu cão quer dizer.
Saiba mais
Quais as vacinas obrigatórias para o seu pet?
A vacinação e a melhor forma de proteger cães e gatos contra doenças infecciosas, causadas por vírus, bactérias e outros microrganismos
Saiba mais
Castrar? Por que?
Castrar um animal de estimaçao é um tema que continua gerando dúvidas, muitas delas por causa de falsas crenças a respeito desse assunto.
Saiba mais



Telefone:

(48) 3535 1010

WhatsApp:

(48) 99161 3718

Endereço:

Rodovia SC 108, KM 436 nº sn
Bairro Último Rio - Jacinto Machado
Santa Catarina - Brasil
CEP: 88950 000

Siga-nos:



Todos os direitos reservados Elleve Pet | Desenvolvimento Micronec Agência